O Mirror-Link, Pesadelo?

Nossa, já gastei mais de R$ 600,00 e o mirror-link não funciona como eu gostaria. Não sei se por culpa da Apple (tenho um iPhone) ou pela interface com o multimedia da Toyota.

Quando você conecta o iPhone no USB ele começa a carregá-lo, o que é muito bacana, e também ativa o modo iPod (você pode escutar suas músicas do celular). Embora o modo “iPod” exista, acho a função Bluetooth muito mais prática. O Bluetooth além de sincronizar seus contatos (ou apenas contatos preferidos), permite que você escute música, atenda ligações telefônicas em modo privado (basta atender pelo celular ao invés de atender pelo multimedia) e ainda descarta a necessidade de cabos.

Alguns detalhes:

  1. Quando quiser usar a função mirror-link com iPhone, o modo USB não funciona/serve. É necessário usar o HDMI (o cabo na Apple custou R$ 379,00 – quase morri do coração – você encontra para Android mais em conta);
  2. A tela é espelhada e a imagem pode ficar de pé ou deitada e isso depende da posição do seu celular (só que você vai colocar seu celular em que lugar? só achei os porta copos da frente);
  3. Quando você conecta o iPhone, ele já abre a App Store e sugere a compra de alguns aplicativos para usar com ele como o Sygic Car Navigation. Animado com a ideia de ter um GPS no meu carro (eu já tinha o TomTom comprado e o Waze), comprei o aplicativo por $ 79,90 dólares! (facada mortal);
  4. Com o mirror-link funcionando (e eu não sei o que aconteceu em um dado momento, porque a tela entrou em modo de “para sua segurança” e desabilitou o mirror) você pode usar qualquer GPS… não precisa ser o Sygic. Testei o TomTom e Waze e fiquei PUTO por ter torrado dinheiro a toa em mais uma ferramenta de GPS.

Antes de terminar a “felicidade total”, descobri que a Apple não tem cabo iPhone->HDMI macho. O cabo é fêmea, ou seja, tive que colocar outro cabo (ficou uma parafernalha terrível e feia) para conectar ao multimedia. Em suma, não gostei. Vou ver se existe algo mais simples.

Mas nem tudo foi ruim. No processo eu descobri que posso tocar minhas músicas do Spotify via Bluetooth e ele reconhece o álbum, artista e tudo mais. Ficou muito bacana. Um abraço.

Anúncios

Um Mês e Meio

Agora que já estou há mais de um mês usando o carro posso notar algumas coisas que me fazem sentir falta do Polo e outras que não. Realmente o quesito “acessórios” do Etios é algo terrível, para não falar algo pior. Um carro que custou o mesmo que paguei no Polo, mas que não tem nem metade dos acessórios.

Algumas coisas que vem me incomodando:

  • Falta de trava automática nas portas;
  • Falta de uma janelinha fosca para ocultar o vidro do quebra sol (alto tão bobo, mas que incomoda tanto quando temos que usá-lo para o sol não bater no rosto e ficarmos vendo o reflexo – pode até atrapalhar na direção);
  • Falta de um contador de consumo instantâneo;
  • Falta de um marcador da temperatura externa;
  • Falta sensor de alarme de movimentos (tive que por como acessório e não gostei do acabamento).

Acredito que alguns desses itens sejam relacionados a um computador de bordo, algo que o Etios não tem. Achei ruim, já que o carro não é barato.

Por outro lado, o Etios tem algumas coisas que meu Polo não tinha:

  • Câmera de ré de fábrica;
  • Porta copos em todas as portas;
  • Porta copos na frente para o motorista e carona e ainda entre os bancos;
  • Espaço para por trecos nas portas, no Polo isso era abaixo do volante e do porta luvas.

Outra coisa interessante é que ao travar a abertura dos vidros, o Etios trava todos os vidros menos o do motorista (a trava geralmente é para crianças). No Polo ele só travava as traseiras, no Etios ele trava também a do carona (uma criança com mais de 12 anos já anda na frente).

De qualquer forma, eu já sabia que o Etios não teria muitos acessórios. A compra dele foi condicionada a mecânica do carro e não aos acessórios. Contudo, acredito que a Toyota poderia ter dado mais atenção a esses pequenos itens também. O consumo do Etios está melhorando (vocês podem acompanhar lá na tabela). Ele começou fazendo 8.5 km/l no primeiro tanque (misturado com o álcool que veio da concessionária), alcançou 9.1 km/l com o ar ligado direto nos dois tanques seguintes (amaciando?) e o último tanque ele fez 9.8 km/l com o ar ligado direto.

Por enquanto é isso, um abraço.

Como Atualizar os Mapas do Etios

Para quem tem o sistema multimédia original da Toyota que vem no Etios Sedan 1.5 Platinum (eu coloquei ele no meu XLS), é possível fazer backup do sistema de GPS e atualizá-lo.

O processo é bem simples e o que eu fiz foi seguir o tutorial do Sistema Multimidia do Etios. De qualquer forma, umas dicas interessantes. Quando acessar o site do manual:

01.png

Você deve clicar no canto inferior direito no texto: BAIXAR FERRAMENTA DE PC. Essa opção vai te levar para uma tela de busca de vários itens. Essa parte o manual não fala, você deve buscar por: Toyota Brasil.

Fazendo isso, ele vai mostrar o aparelho para você:

03

Com o aparelho selecionado, você deve criar uma conta e, em seguida, acessar as possibilidades (dentre elas baixar o aplicativo ToolBox):

04

Abaixo dele, vamos ter as opções de atualizações de mapa e tudo mais. Bem simples. Abaixo temos alguns mapas:

Com o aplicativo instalado, basta inserir o SDCARD do carro no computador com o software e ele já vai detectar para instalações e atualizações. Em outro publicação mostro como foi que eu fiz. Um abraço.

 

As Rodas e o Pino de Segurança

Sempre tive medo de rodas de liga leve. O principal deles é com relação à sua durabilidade. Minha outra preocupação era com relação aos roubos de roda desse tipo.

Quando adquiri meu carro, fiquei sabendo depois que existe um kit bem bobo, mas que pode te livrar de dor de cabeças, que substitui um dos parafusos da roda por um outro com algum tipo de “segredo”.


Esse kit custou R$ 180,00 reais. A ideia geral dele é bem simples, a peça do meio é instalada na sua chave de roda e, usando ela (segredo), trocamos uma das porcas pela trava em cada uma das rodas. Bem bacana não? Acho pertinente algo assim, pois imaginem chegar no carro e encontrá-lo sem as rodas? Um abraço.

Mimos Finais

Após a entrega do carro e emplacamento, fui até a concessionária Kampai para finalizar a instalação de um acessório.

Confesso que a Kampai mima seus clientes. Achei até estranho receber Cafezinho expresso na mesa, água e várias outras coisas.

Na entrega do carro esqueci de dizer que o “mimo final” foi um porta documento e chaveiro de couro:

 
Nunca tive um carro da Toyota, até sinto falta de algumas coisas que tinham no meu Polo. Mas isso vamos discutindo com o tempo.

 
De qualquer forma, agradeço ao vendedor pelo atendimento exemplar. Um abraço.